sábado, 21 de setembro de 2013

Seres Humanos...

 
        Ainda não consigo entender essas minhas oscilações, ao mesmo tempo sinto uma alegria, me sinto eufórica pela vida, sonhos, futuro, mas as vezes não tenho forcas nem para me levantar da cama, só desejaria ficar ali por horas e horas, debaixo de uma coberta quente, dormindo para esquecer de tudo e de todos que me entristeceram, o grande problemas e que muitas vezes sou minha maior tristeza.
       Me sinto culpada por vários acontecimentos em minha vida, se ao menos pudesse passar uma borracha em tudo isso, tem dias que me sinto carregada, com um peso enorme nas costas, tento balancear tudo, mas cada dia que se passa ficar mais difícil. Queria ao menos me controlar, ao menos entender tudo isso. Muitas vezes tenho o leve pressentimento que as pessoas só se aproximam de mim para deixar alguma marca, para brincar com meus sentimentos, me sinto um misero objeto, usam, despejam suas raivas, cospem e ainda acham que a palavra desculpa e suficiente para amenizar a dor causada.
     Acham que tem o direito de surgir em minha e sair sem ao menos dizer um Adeus, como assim?
Quem deu o direito de vocês me ferirem dessa forma,  não signifiquei nada na vida de vocês? Quantas vezes parei tudo para escuta-los? Quantas vezes tive que escutar sobre seus antigos relacionamentos? Suas brigas, sonhos, besteiras, tudo, parem por favor. Por que me deixaram quando mais precisei, encolheram a mão, fecharam as portas, e ali fiquei, perdida, procurando uma solução. Voces sabem o que eu queria? Eu queria te tido um ombro para que eu pudesse ter apoiado minha cabeça, mãos para secar minhas lagrimas, ou apenas...apenas uma companhia, apenas alguém para que eu pudesse ter olhado nos olhos, e apenas por uma expressão facial ter transmitido tudo que eu sentia.
   Mas a unica coisa que encontrei foi a solidão, ela sorria para mim, era unica que me apoiava naquele momento, eu via  minha sombra se refletindo naquele quarto solitário, minha mente borbulhava, meu coração sangrava, precisava encontrar uma solução para tudo sozinha, mas agradeço, vocês conseguiram formar um pensamento totalmente diferente do que eu tinha sobre as pessoas antes, hoje penso que não devemos confiar tanto e muito menos entregar meus sentimentos a míseros seres humanos.


   
   
   

Nenhum comentário:

Postar um comentário